quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Como o Facebook e um desempregado causaram uma revolução na Tunísia


Toda grande revolução começava com um grupo de pessoas revoltadas, que se reuniam e se comunicavam secretamente para dar início a uma guerra. Na Tunísia, não foi diferente, o único detalhe é que ao invés de panfletos, estudantes tunisianos recorreram ao Facebook para organizar um verdadeiro golpe ao homem que, com punho de ferro, dirigia a Tunísia há 23 anos.

Mohamed Bouazizi, com pouco mais de 20 anos, sonhava com uma carreira no mundo das novas tecnologias, mas seu sonho teria sido interrompido pela falta de oportunidades de um país africano comandado pelo ditador Ben Ali, que junto com a sua família, ainda controlam a economia e cujo trabalho está reservado àqueles que têm sorte ou aos que pertencem à elite de Tunes.

Dessa forma, mesmo com um diploma, Bouazizi viu-se forçado a vender frutas e legumes nas ruas da sua cidade natal do centro-oeste, Sidi Bouzid, para alimentar a família. Sem licença para tal, em 17 de dezembro teve sua mercadoria confiscada pela polícia. Com o pouco dinheiro que tinha, comprou gasolina e ateou fogo ao próprio corpo.

Aí começou a revolta. Milhares de estudantes tunisinos se uniram pelo Facebook, o Twitter e o YouTube, uma vez que a imprensa local, censurada, foi impedida de falar sobre o assunto. Milhares de jovens desempregados saíram às ruas e também cometeram a imolação. Houcine Néji foi um deles e com 24 anos, cometeu suicídio pelo fogo. Outros subiram em postes de alta tensão e foram eletrocutados.

Após a morte de Mohamed, o que se ouvia às ruas era a frase: Hoje choramos a tua morte, amanhã vamos fazer chorar quem te matou. O resultado foi que o presidente Ben Ali dissolveu na sexta-feira o Parlamento e fugiu do país. Pela primeira vez, a Tunísia pertence verdadeiramente aos seus cidadãos, após servir de colônia europeia e de ser comandada por regimes autoritários.

Foi assim que um homem, um suicídio, e as redes sociais, começaram a mudar o destino de um país agora entregue à própria sorte. Só não sabemos ainda se a revolução vem para melhor ou para pior.

Portanto amigos da Revoltados On Line é nosso momento de fazermos a revolução e mudarmos nosso pais tambem, o primeiro passo ja demos fomos para as ruas em protesto contra impunidade dos governos federal, estadual e municipais das regiões serranas que foram omissos e os resultados dessa omissão são as vitimas e mais de  mil mortos, antes que joguem a culpa neles e os governantes saiam ilesos, assinem as petições abaixo e participem dos movimentos, vamos as ruas novamente, não vamos ficar esperando outras mortes  acontecerem e assistindo tudo em cima do muro.

Lista de Petições Públicas e Abaixo Asisnado

PELA SUSPENSÃO IMEDIATA DOS CARGOS PÚBLICOS DE ACUSADOS QUE AINDA ESTEJAM SOB JULGAMENTO POR CRIMES PREVISTOS NA "LEI DA FICHA LIMPA"

Abaixo-assinado CATÁSTROFES OCORRIDAS NA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO

Abaixo-assinado contra o aumento nos salários do presidente da República, ministros e parlamentares. Dezembro/2010

Abaixo-assinado Salve as Florestas -Contra as alterações do Código Florestal
(Save the forests of Brazil- against changes of Brazilian Forest code)

Abaixo-assinado Multinacional ao Supremo Tribunal Federal do Brasil e ao Congresso da República ItalianaMani/Manifesto multinazionale alla Corte Suprema del Brasile e del Congresso della Repubblica Italiana

Abaixo-assinado Contra o retorno da CPMF

Abaixo-assinado contra o aumento da passagem de ônibus para R$3 e a favor da execução (urgente!) de medidas em prol da melhora do transporte público na cidade de São Paulo


Save the forests of Brazil- against changes the Brazilian Forest code

Não dá para fechar os olhos para tudo que acontece na politica, por que tudo que acontece na politica afeta diretamente a você, afeta a todos nós.

Em PROL do nosso pais unidos conseguiremos e mudaremos essa palhaçada sem oposição que ai está  e só dizendo amém para a CORRUPÇÃO, enquanto  nós ralamos e pagamos eles vivem nababescamente bebendo e comendo as nossas custas com altos salários e aposentadorias.

Ficar parado, continuaremos sendo roubados e  ninguém é responsabilizado.

RIO - SEGUNDO ATO DE PROTESTO CONTRA DESCASO GOVERNAMENTAL QUE RESULTOU EM MAIS DE 1.300 MORTOS.
SEGUNDO ATO CÍVICO-DEMOCRÁTICO
"O TSUNAMI DO DESCASO"
Data: 01 FEV 2011 (terça-feira).
Local: ALERJ (Posse dos deputados).
Concentração: a partir das 09:00 horas.
Início: 10:00 horas
Término: 12:00 horas.
Os mobilizados solicitarão a instauração de uma CPI para apurar responsabilidades dos governantes.
Divulguem!
Participem!


Related articles
Revolt in Tunisia (online.wsj.com) Tunisia protesters use Facebook, Twitter and YouTube to help organize and report (latimesblogs.latimes.com) In Tunisia, a People March Towards Freedom (pajamasmedia.com) Tunisia Undone: Protests, Blackouts & Twitter | Human Rights (humanrights.foreignpolicyblogs.com) Protestors win in Tunisia, president flees – Jan 15 (energybulletin.net) Social Media Didn’t Oust Tunisia’s President The Tunisian People Did (textually.org) Tunisia protesters use Facebook, Twitter and YouTube to help organize and report (textually.org)


Post: Marcos Maher