quarta-feira, 25 de julho de 2012

Universitários da Coréia do Sul reformam casas no Jardim Vale das Flores

 É Preciso vir voluntários estudantes coreanos para fazer e reformar aqui no Brasil as casas dos vadios brasileiros que não tomam iniciativas nem de arrumar suas próprias casas. V E R G O N H A ...VERGONHA PARA OS BRASILEIROS, eis a diferença por que a Coréia do Sul país menor que o estado de Pernambuco tem índice de analfabetismo zero,renda per capita maior que a nossa, indústria nacional própria,políticos corruptos punidos na cadeia(vejam, não que não tenha corrupção lá, mas qdo o sujeito é pego roubando o povo,impostos ou subornando é punido),, enquanto por aqui..rola a vagabundagem,picaretagem e roubalheira.



Parceria entre a Prefeitura, Ong Internacional Habitat e Projeto Arrastão realiza mutirão para revitalização e melhorias habitacionais e urbanas para 27 famílias do bairro.



Melhorias e revitalizações habitacionais e urbanas serão realizadas por 68 universitários coreanos no Jardim Vale das Flores
Mais de 60 universitários Sul Coreanos chegam à comunidade do Jardim Vale das Flores para reformar casas do Projeto Arrumando a Casa - reformas e melhorias habitacionais para famílias em risco social. A iniciativa é da Prefeitura de Taboão da Serra em parceria com a Habitat para a Humanidade Brasil, Projeto Arrastão e a Associação de Moradores do Jardim Vale das Flores. O mutirão para revitalização e melhorias habitacionais e urbanas no bairro acontecerá de 01 a 06 de Fevereiro.
O período de férias para universitários da Coréia do Sul significa a oportunidade de levar solidariedade, fazer bem e conhecer novas culturas por meio de um intercâmbio sócio-cultural. Essa é a proposta do Programa Global de Voluntariado Jovem da Hyundai Motor Company, que seleciona estudantes de todas as partes da Coréia do Sul e organiza os grupos para que possam realizar trabalhos sociais em países como Brasil, China e Índia.
As inscrições são concorridas e o processo seletivo é árduo. Por meio de redação e diversas entrevistas o candidato precisa provar porque merece ser selecionado, além de mostrar conhecimento prévio sobre o país ao qual está se candidatando.
Trabalho voluntário no Brasil é para a construção e reforma de casas com a ONG Habitat para a Humanidade, teve início em Janeiro de 2010, mais de 10 mil universitários coreanos disputaram as cem vagas disponíveis para integrar o primeiro grupo enviado pela montadora de automóveis. O segundo grupo de voluntários coreanos veio ao país em Agosto de 2010, quando em uma semana de voluntariado construtivo os estudantes adiantaram quatro meses de trabalho de um conjunto habitacional de interesse social para 63 famílias, construído em sistema de mutirão.
"Realizamos o Programa de Melhoria Habitacional em toda a cidade, iniciando pelo CSU que foi realizado pelos próprios moradores, com a participação de voluntários e atraindo mais parcerias, estamos garantindo para os moradores condições de vida digna", ressaltou Ângela Amaral, secretária municipal de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente.
O Trabalho
Na semana de 01 a 06 de Fevereiro, os universitários coreanos vão trabalhar em mutirão para construir, revitalizar e melhorar a casa de 27 famílias. Dentre essas famílias, está Dona Francisca e seus três filhos, que tiveram a casa interditada pela Defesa Civil, mora no aluguel social há três anos, e vai ter a casa reconstruída pelos jovens voluntários.
No dia 5 de Fevereiro (sábado), os jovens irão fazer uma apresentação da cultura coreana (danças e músicas) para a comunidade local e também vão assistir as demonstrações da cultura brasileira, como escola Imperatriz do Samba, uma troca cultural entre os dois países.