sábado, 30 de janeiro de 2016

Estamos vendo 9 dedos do Chefão para continuar a corrupção com leniência e repatriação: Procurador da Lava Jato identifica “dedo do governo” em medidas que beneficiam investigados

O procurador não pode falar abertamente, estamos vendo é 9 dedos do chefão através de sua ajudante de ordens Dilma du Cheff nos tais acordo de leniência que não pune as empresas e impedem a continuidade de investigações do MP e aplicação de leis e punições aos corruPTos, bem como o s mesmos corruPTos e CorruPTores podem repatriar dinheiro de falcatruas, tráfico de drogas e corrupção legalizando o dinheiro sujo ou seja  lavagem de dinheiro oficializada.


Em debate a "MP da Leniência" e a Lei da Repatriação.

Como sempre, o problema é do “dedo” deste governo que não faz nada de bom onde põe a mão. A denúncia de agora, do Procurador da República Carlos Fernando dos Santos Lima, da Lava Jato, é a de que medidas do governo Dilma poderiam trazer riscos à investigação.
A MP da Leniência a Lei de Repatriação figuram no centro da controvérsia.
Explicamos: a Medida Provisória da Leniência acelera acordos com empresas investigadas e a Lei da Repatriação garante anistia de crimes relacionados a quantias de dinheiro no exterior não declaradas e transferidas a contas no Brasil.
De fato, são instrumentos legais assustadores, especialmente diante do contexto atual do país.

fonte: http://www.implicante.org/blog/procurador-da-lava-jato-identifica-dedo-do-governo-em-medidas-que-beneficiam-investigados/