quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

JÁ DEVERIA TER SIDO EXTINTO HÁ MUITO TEMPO: CAMPANHA DE LULA, EM 2006, RECEBEU R$ 50 MILHÕES EM PROPINA, EM REPRESENTAÇÃO, TUCANOS SUGEREM EXTINÇÃO DO PT

A OPOSIÇÃO GOVERNISTA LENIENTE COM SEU IRMÃO SIAMES O PT PARECE QUE ACORDOU!!! AGORA TUCANOS??? ANTES TARDE DO QUE NUNCA.

CARLOS SAMPAIO: ""É UMA DENÚNCIA GRAVÍSSIMA, APRESENTADA POR UM INTEGRANTE DA QUADRILHA QUE OPERAVA O PETROLÃO". 

  Maior partido de oposição ao governo da presidente Dilma Rousseff, o PSDB entrou com representação junto à Procuradoria-Geral Eleitoral (PGE) pedindo investigação sobre o recebimento de recursos de origem estrangeira em benefício do PT. Confirmada a prática, os tucanos querem ação judicial de extinção do Partido dos Trabalhadores. O documento é assinador pelo líder da bancada na Câmara, Carlos Sampaio (SP).
A ação foi inspirada em informações prestadas pelo ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró à Procuradora-Geral da República (PGR). De acordo com Cerverá, a campanha de Lula, em 2006, recebeu R$ 50 milhões em propina, provenientes de uma negociação para a compra de US$ 300 milhões em blocos de petróleo na África em 2005.
"É uma denúncia gravíssima, apresentada por um integrante da quadrilha que operava o Petrolão, e que precisa ser investigada”, afirmou Sampaio.
A Constituição Federal proíbe os partidos políticos de receberem de entidades e governos estrangeiros quaisquer recursos financeiros. Ao disciplinar a norma constitucional, a Lei dos Partidos Políticos prevê, após trânsito em julgado de decisão, o cancelamento do registro civil e do estatuto do partido que tenha infringido a norma.
“Ainda na CPI da Petrobras, em abril do ano passado, disse que o tesoureiro do PT seria preso e o PT, extinto. Dias depois, João Vaccari foi detido e continua preso até hoje. A extinção do PT está muito próxima: é uma questão de tempo e do avanço das investigações”, afirmou Sampaio.


FONTE: http://www.diariodopoder.com.br/noticia.php?i=47865395432